Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Bacalhau com Natas

por Vanessa, em 31.10.13

 

Pois é o molho bechamel que postei ontem foi para fazer bacalhau com natas. Não sei porque lhe chamam bacalhau com natas pois leva mais do dobro de bechamel que de natas. Mas passemos à receita:

 

 

Bacalhau com natas (aprox. 4-6 pessoas)

 

Ingredientes

 

1 cebola

3 dentes de alho

50 ml de azeite

400 g de bacalhau demolhado e desfiado

120 g de batata-palha

160 ml de natas

160 g de pão ralado

Sal e pimenta

 

Preparação

 

Pique a cebola juntamente com o alho durante 15 segundos na velocidade 5.

Com a ajuda da espátula, faça descer os resíduos que se tiverem acumulado na parede do copo.

Junte o azeite e deixe refogar durante 5 minutos, velocidade 2 na temperatura máxima (ST).

Adicione o bacalhau, o molho bechamel reservado, as natas e os temperos e programe 10 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Acrescente a batata-palha e envolva mais 3 minutos na velocidade 2.

Coloque a mistura num pirex, polvilhe com o pão ralado reservado e leve ao forno, pré-aquecido a 200ºC, durante 20 minutos.

 

Adaptei as quantidades da receita que vem no livro da Yammi pois só tinha 400 gr de bacalhau desfiado.

A quantidade de pão ralado que consta da receita é muito grande, sendo que 75gr são suficientes.

 

A receita é fácil de fazer e o resultado não fica aquém das expectativas. Fica com boa textura, saboroso e cremoso mesmo depois de voltar a aquecer.

 

Usei postas de bacalhau graúdo especial com 700gr aprox., que comprei a 8.99€ o kg, que renderam 400gr de bacalhau desfiado (6.30€), as natas são da auchan (0.42€), o custo de confecção do bechamel foi 0.47€, as batatas de palha têm um pacote transparente e branco de 400gr no PD e custaram cerca de 1.99€ (0.60€), o pão ralado fiz através de tostas pequenas que tinha em casa de 350gr da minigril que custou 1.69€ (0.36€). Assim esta receita custou 8.15€, ficando cada dose a 2.04€ (para 4 pessoas) ou 1.36€ (para 6 pessoas).

Autoria e outros dados (tags, etc)


Molho Bechamel

por Vanessa, em 29.10.13

 

Para uma receita que eu pretendia fazer queria fazer (amanhã já partilho para quê) de molho bechamel. Não sabia se iria correr bem e o resultado seria o esperado e afinal foi! A receita que vou colocar é para 500gr e não para 800gr pois não precisava de tanto (e mesmo assim sobrou).

 

 

Molho Bechamel (aprox. 500gr)

 

Ingredientes

 

500ml de leite

50gr farinha

35gr de manteiga

Sal, pimenta e noz-moscada

 

Preparação

 

Coloque todos os ingredientes no copo de mistura.

De seguida, programe 15 minutos na velocidade 3 a 90º.

Retifique os temperos.

 

 

A receita é mesmo muito fácil de fazer, deitar tudo lá dentro e esperar :)! E o resultado foi um bechamel cremoso e saboroso e mais barato que os de compra.

Vejamos: usei leite auchan magro (1lt-0.51€), manteiga magra do PD (250gr-1.24€) e farinha auchan (1kg-0.70€). Assim o molho fica na módica quantia de 0.47€ que sai a metade do preço que os de 500ml de marca própria dos supermecados (por ex. auchan 0.99€).

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Mousse de Limão

por Vanessa, em 27.10.13

 

Tive uma convidada especial para o almoço e decidi fazer uma sobremesa diferente do habitual e optei pela (fácil e rápida) mousse de limão. Realmente demora os 4 minutos a fazer que indica a receita não dá é para mais que 4 taças das tradicionais nem para fazer 2 camadas com bolacha como está na foto da receita do livro da Yammi.

 

Mas passemos à receita e aos resultados:

 

 

Mousse de Limão (aprox. 4 pessoas)

 

Ingredientes

 

150 g de bolacha maria

1 lata de leite condensado (400 g)

200 ml de natas

Sumo de 3 limões

 

Preparação

 

Coloque as bolachas no copo e triture durante 30 segundos na velocidade 9. Reserve.

Com o copo lavado e seco, insira o misturador e adicione as natas e o leite condensado. Programe 3 minutos na velocidade 4.

De seguida, regule 30 segundos na velocidade 3 e, com a máquina em funcionamento, vá vertendo o sumo de limão, lentamente, pela abertura da tampa.

Numa taça grande ou em taças individuais, coloque uma camada de mousse e polvilhe com um pouco de bolacha. Vá intercalando os dois preparados até obter três camadas.

Leve ao frigorífico durante uma hora, no mínimo.

 

 

A receita foi mesmo fácil de fazer mas as quantidade indicadas não deram para mais de 4 taças nem para fazer as 2 camadas de bolacha, como podem ver em baixo:

 

 

 

Se voltar a repetir a receita nesta taças irei reduzir a bolacha a 100gr (1 pacote), pois sobrou muita bolacha, ou usar taças altas.

 

É sugerido no final da receita para por me cima da mousse raspas de limão. Pessoalmente como não aprecio as rapas do limão optei pelo resto da bolacha para pulvilhar em cima.

Ahhh importante referir, usei leite condensado magro.

O sabor é optimo, pois o limão corta o doce do leite condensado mas deixando uma leve douçura e depois de ir ao frigorifico fica bastante consistente e de boa textura.

É uma excelente opção para quando queremos fazer uma sobremesa rapida, saborosa e quem sabe, diferente.

 

Também é uma sobremesa económica, pois fica a menos de 1€ por pessoa. Ora vejamos, o leite condensado magro comprei no pd de marca própria e não chega a 1€, as natas são da auchan e custam 0.42€ (prefiro as da auchan às polegar), 1 saco com 4 limões (aprox. 500 gr) custa 0.68€ e a bolacha maria polegar com 4 pacotes de 100gr custa 0.99€. Assim no total a receita não chega a 2.5€, ficando nuns módicos 2.35€ ou 0.59€ por taça- 

 

Experimentem e digam de vossa justiça :)

Autoria e outros dados (tags, etc)


1ª sopa do bebé com carne

por Vanessa, em 26.10.13

 

Pois é nem todas as receitas podem ser guloseimas ou para os adultos e assim hoje vou partilhar convosco a receita da sopa do meu bebé que leva carne. A graça é que a sopa que eu faço é quase igual, só mudam as quantidades, à receita do puré de legumes da Yammi.

 

 

1ª Sopa do bebé com carne (aprox. 3 doses de 220ml)

 

Ingredientes

 

5 cenouras

2 batatas médias ou 1 grande

1/2 cebola

500 ml de água

1/2 bife de perú médio

 

Preparação

 

Coloque todos os ingredientes no copo e programe

25 minutos na velocidade 1 a 100ºC.

Para triturar, programe 1 minuto: comece na velocidade 3 e vá aumentando, progressivamente, até à velocidade 7.

No fim, coloque um pouco de azeite e misture em velocidade 3 por 10/15 segundos.

 

 

A cebola ponho pouca pois pode fazer gases e com isso causar incomodo intestinal, assim reduzi drásticamente o desconforto que o meu bebé sentia. Também não exagero muito na batata pois uma vez fiz com mais batata e ele não gostou muito.

Quanto à carne devia ser borrego mas optei por perú (e porque não arranjei borrego no talho) pois é uma carne magra e esta e o frango era a próxima carne a por na sopa.

 

Experimentem e digam de vossa justiça :)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bolo de Requeijão

por Vanessa, em 24.10.13

 

 

Parece que as melhores receitas nascem da necessidade e no meu caso de não estragar um requeijão. E como era só um não dava para a receita e tarte de requeijão e para as queijadas ficavam poucas então lembrei-me de um bolo.

A receita baseia-se na de iogurte por usar medidas.

 

 

Bolo de requeijão

 

Ingredientes

 

1 requeijão

2 medidas de requeijão e farinha

2 medidas de requeijão de açúcar

1 medida de requeijão de óleo

2/3 da medida de requeijão de leite

4 ovos

1 colher de chá de fermento

 

Preparação

 

Insira o misturador sobre a lâmina.

Coloque no copo o requeijão, os ovos e o óleo.

Programe 2 minutos na velocidade 4. Acrescente o açúcar e programe 3 minutos na velocidade 3.

Adicione a farinha com o fermento e programe 4 minutos na velocidade 2 (podem por tudo junto ao aos poucos como prefererirem).

Verta a massa numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha.

Leve ao forno, pré-aquecido a 200ºC, durante 40 minutos (ver aos 30min com um esparguete/palito o ponto de cozedura do bolo).

 

O requeijão comprei no Jumbo por 1,00€ que é de Seia e se chama Gourmet e tem o rótulo preto. O requeijão não deve nada aos outros em sabor e o preço também é saboroso ;). 

 

O meu bolo foi cozido a 180º por 40min e ficou um pouco mal cozido (que nós aqui em casa até não nos importamos pois também gostamos deles mal cozidos) por isso ficou húmido por dentro. Gostámos bastante do sabor e da textura e a prova disso é que num dia o bolo quase acabou...

 

Experimentem e digam de vossa justiça :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

A receita de hoje nasceu de uma necessidade minha. Primeiro aproveitar um resto de queijo mascarpone que me sobrou do cheesecake (não tarda ponho a experiência) e segundo, disfarçar o sabor de uma carne de novilho que o meu marido não gostou (nem eu).

 

Então cá vai:

 

 

Carne guisada com macarronete e molho de mascarpone (aprox. 3/4 pessoas)

 

Ingredientes

 

400 gr de carne para guisar

250 gr macarronete grande

100gr queijo mascarpone

100ml leite

300ml água

1/3 de chouriço

1/2 cebola

Azeite q.b.

Vinho branco

Sal

 

Preparação

 

Por na yammi a cebola e o chouriço e picar em velocidade 5 cerca de 10/15 segundos de forma a não ficar passado mas picado.

Refugar cerca de 3/4 minutos em velocidade 1 e 100 graus de temperatura.

Adicionar a carne, o sal e o vinho branco a gosto e deixar cozinhar na mesma velocidade e temperatura por 10 min.

Após este tempo adicionar o queijo mascarpone e o leite e cozinhar por mais 1/2 min de forma a criar um molho cremoso.

Adicionar a água e a massa e cozinhar por mais 12min (se não me falha a memória).

Quando o tempo terminar ver se a consistência do molho está a gosto. Se não adicionar leite e misturar mais 15seg até estar no ponto.

 

E pronto é servir acabado de fazer. A textura ficou meio grudenta o que eu adoro e o sabor estava óptimo. Aconselho a ver o sal no final e se preciso por mais.

Quando frio não se nota muito o molho no prato mas o paladar fica lá e é bom na mesma, por isso aconselho a servir assim que pronto.

 

A massa que usei foi milaneza macarronete gr (0,44€) que é a minha marca preferida. Sempre que encontro no pd com 50% de desconto compro pois fica poucos cêntimos mais cara que o pd e é, na minha opinião, melhor. O queijo é da marca galbani e tem uma excelente textura além de oferecer em cada embalagem uma receita (e parecem bem boas). Como não é de marca branca é um pouco mais caro (3,19€) mas estava a metade do preço.

O chouriço nunca uso corrente pois um bom chouriço dá um bom paladar à comida, assim opto sempre por chouriço normal.

 

Experimentem e digam de vossa justiça :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Muffins de Chocolate

por Vanessa, em 22.10.13

 

Para iniciar a partilha, vou contar-vos a minha experiência com Muffins de chocolate.

 

Esta receita está na secção crianças.

 

 

Muffins de chocolate (aprox. 12 unidades)

 

 

Ingredientes

 

12 quadrados de chocolate para culinária

240 g de farinha

3 ovos

90 g de manteiga amolecida

70 ml de leite

35 g de cacau em pó

1 colher de fermento em pó para bolos

125 g de açúcar amarelo

 

Preparação

 

Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Monte o misturador no copo. Junte a manteiga e o açúcar e bata 1 minuto na velocidade 3.

Numa taça à parte, bata os ovos juntamente com o leite. Deite-os no copo e regule 30 segundos na velocidade 4.

Acrescente a farinha, o fermento e o cacau em pó. Programe 1 minuto na velocidade 4.

Unte formas de queque com manteiga e encha-as com a massa obtida. Disponha um quadrado de chocolate dentro de cada uma e leve ao forno durante 15 minutos.

 

Como a minha forma de queques é de 12 e não 10, tive de converter a receita para fazer 12 muffins, apenas deixei a quantidade de açúcar original pois para mim as receitas levam sempre muito açúcar. É difícil que dê para 12 na forma e queques, pois na minha opinião ficam pequenos, sendo que para 11 ficam no tamanho ideal.

 

Não uso açúcar amarelo, uso o branco normal e o chocolate de culinária prefiro sem dúvida o pantagruel (para qualquer receita que necessite de chocolate de culinária em barra ou cacau em pó). Para cacau em pó usei continente magro, apesar do pantagruel ser o meu preferido fiquei bastante satisfeita.

 

Devido a não exagerar no açúcar os muffins não ficam doces sobressaindo mais o sabor do chocolate da massa, mas acima de tudo, do cubo de chocolate que fica derretido por dentro e macio por fora.

 

A única coisa que penso mudar da próxima vez que experimentar é por um pouco mais de leite na massa para que a mesma fique mais fofa e maleável e depois de cozida torne o muffin mais húmido, pois acho que o muffin fica saboroso podia ser um pouco menos seco.

 

De aspecto, os primeiros que fiz ficaram mais bonitos mas os meus convidados no domingo gostaram bastante deste lanchinho acompanhado de um chá de frutos silvestres. É como a fruta, nem sempre a mais bonita é a mais saborosa.

 

Experimentem e digam de vossa justiça :)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Olá

por Vanessa, em 22.10.13

Olá a todos,

 

Por sugestão de algumas pessoas que me são muito queridas, decidi criar este blog para partilhar com todos as minhas experiências na Yammi e espero que também partilhem comigo.

Confesso que não sou menina de seguir as receitas, se nunca fiz sigo à risca, se não toca a melhorar.

 

Irei então contar convosco para partilharmos experiências :)

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Facebook

A Yammi da Vanessa também está no facebook. Segue as nossas experiências em www.facebook.com/yammidavanessa


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D