Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Batido de Morango

por Vanessa, em 28.02.14

 

Tendo em conta que ontem foi dia do morango, hoje partilho convosco uma receita que gosto bastante, principalmente para o pequeno almoço de um fim de semana que é um batido.

Confesso que neste fiz mais espesso que o normal mas ficou tão saboroso :).

 

Cá vai:

 

 

Batido de Morango (3 canecas)

 

Ingredientes

 

500gr de Morangos

500ml de leite

Açúcar q.b. para quem quiser adoçar o batido.

 

Preparação

 

Coloque os morangos sem pé e o leite no copo. Programe 30 segundos em velocidade 9.

 

 

E voilá! Está um excelente e espesso batido pronto para dar energia para começar um bom dia. Eu adoro e sempre que posso faço.

Se não quiserem ou gostarem dele tão grosso basta porem mais leite até obterem a espessura desejada.

E não se esqueçam que o morango é pobre em calorias e diurético e muitooooooooo saboroso ;).

 

Para este fantástico batido usei morangos do pingo doce a 1.49€/500 gr e leite auchan magro dos açores a 0.56€/lt.

Assim o batido custou 177, sendo que cada caneca deste batido saiu a 0.60€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bolo de Chocolate com Bolacha

por Vanessa, em 23.02.14

 

 

Depois ter comprado umas bolachas maria especiais (são mais grossas e melhores para as sobremesas) o marido pediu um bolo com bolacha.

Procurei alguma receita e não encontrei nada dentro do género que pretendia e por isso decidi arriscar e até ficou bom. É para voltar a tentar para superar ;).

 

Bolo de Chocolate com Bolacha

 

Ingredientes

 

1,5 pacotes/300gr de bolacha maria

350gr de chocolate de culinária

200 gr de açúcar

100 gr de farinha

5 ovos

1 caneca de leite

1 caneca de óleo

 

Preparação

 

Aqueça o forno a 180 graus.

Coloque as bolochas no copo e carregue no botão de turbo 2 a 3 vezes de acordo com o estado com que queira a bolacha.

Coloque o misturador sobre a lâmina, introduza os ovos e o açúcar e programe 1 minutos na velocidade 5.

Adicione o chocolate em pedaços e o leite e programe 6 minutos na velocidade 1 a 80ºC. Deite o óleo e a farinha 20 segundos na velocidade 5.

Unte uma forma com manteiga e polvilhe-a com farinha e verta parte da massa. Depois faça uma camada de bolacha de cerca de 1 dedo de altura e deite o resto da massa por cima.

Leve ao forno durante 30/35 minutos a 180 graus.

 

Este bolo foi-se fazendo, põe isto e agora mais aquilo e o resultado foi este.

 

Eu piquei 2 pacotes de bolacha e acabou por sobrar. Também deixei o bolo do forno por 40 minutos. Apesar de ter ficado ligeiramente mal cozido (que é o que se pretende num bolo deste tipo) podia ter cozido menos 5 minutos e teria ficado no ponto.

Ao fim de 25 minutos a massa estava muito pouco consiste e acabei por deixar mais 15 minutos o que foi demais pois não ficou tão húmido como eu gostaria.

 

Gostei da camada de bolacha, ajudou a dar um toque especial e diferente ao bolo.

 

Gostei do resultado, principalmente come-lo ainda morno pois a parte mal cozida misturada com o restante ficou excelente para um fim de noite.

 

Para esta receita usei bolachas cuetara a 1.39€/800gr, chocolate pantagruel a 1.45€/200gr, farinha polegar a 0.47€/kg, açúcar pd a 0.79€/kg, leite auchan magro dos Açores a 0.56€/lt, ovos continente L a 2.69€/24 e óleo fritóleo a 0.99/lt.

Assim este bolinho custou uns módicos 4.15€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Empadão de carne

por Vanessa, em 19.02.14

 

Volta e meia há sobras cá em casa e às vezes é preciso imaginação para "reciclar" o que sobrou (e que não dá para enviar na marmita). Por exemplo restos de carne grelhada ou cozida, bifes sem molho, .... Por isso, empadão é sempre uma excelente opção (assim como uns belos croquetes, nas essa fica para outro dia).

Esta receita foi patrocinada pelos meus sogros que me deram parte da carne de um cozido que sobrou e incluia: entrecosto, carne de novilho, chouriço de carne e chouriço de sangue.

 

Mas vejamos:

 

 

Empadão de Carne (5 pessoas)

 

Ingredientes

 

1 dose e meia de puré da yammi

500 gr de sobras de carne

1 receita de puré de batata (ver receita do livro)

1 cebola

1 folha de louro

60 ml de azeite

Sal e pimenta (se necessário)

1 ovo batido

 

Preparação

 

Prepare uma dose e meia de puré na yammi e reserve.

Ponha a carne no copo e pique durante cerca de 20/25 segundos na velocidade 5 e 6. Retire e reserve.

No copo coloque a cebola e pique durante 10 segundos na velocidade 5.

Junte o azeite e refogue 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Adicione a carne e programe 10 minutos, velocidade 1 a 100ºC.

Num pirex, comece por dispôr metade do puré de batata.

Espalhe o preparado de carne por cima e cubra-o com o restante puré.

Pincele com o ovo batido e leve ao forno, pré-aquecido a 180ºC, durante 10 minutos.

 

Este era um prato daqueles que o meu marido sempr gostou de ir comer a casa dos pais e sabia sempre que depois do cozido vem o empadão ;). Mas desta vez o cozido foi cá em casa e ele também ficou fã. Agora pode comer lá e cá.

 

Ás vezes falta a imaginação para aproveitar os restos que não aproveitamos para requentar ou porque simplemente não apetece, e o empadão é sempre uma excelente opção que agrada a todos.

Pode ser feito com puré ou arroz e por cima pode por-se apenas o ovo ou colocar umas rodelas de chouriço, ovo cozido, cenoura... o que se gostar.

 

Esta receita foi feita 100% patrocinada pelos meus sogros que forneceram todos os ingredientes necessários para a confecção.

Mas para termos uma ideia de quanto poderia custar, a dose de puré necessária na yammi fica em aproximadamente 1.50€ e carne picada de novilho custa à volta de 4.99€/kg.

Assim este empadão sem o uso de resto rondaria 4,00€, cada dose a 0.80€, e com restos 1,50€, cada dose a 0.30€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Panquecas

por Vanessa, em 16.02.14

 

 

O lanche cá em casa foram panquecas. Nunca tinha experimentado fazer por isso não fazia ideia de como era suposto sairem. Foi uma aventura gira e saborosa e valeu muito a pena.

 

 

Panquecas (12 unidades)

 

Ingredientes

 

200 g de farinha

20 g de açúcar

300 ml de leite

1 ovo

45 g de manteiga

1 colher de chá de sal

1 colher de chá de fermento em pó para bolos

Manteiga q.b.

 

Preparação

 

Coloque todos os ingredientes no copo e programa 1 minuto na velocidade 5.

Deite uma noz de manteiga numa frigideira pequena, antiaderente, e deixe derreter.

Verta uma concha de massa na frigideira e espalhe-a ligeiramente, dourando a panqueca de ambos os lados.

 

Simples, rápido e eficaz!

 

Misturar tudo na yammi e por na frigideira.

 

Gostei muito de fazer panquecas, porque nunca tinha feito e tentar perceber qual a grossura e ponto de cozedura mas correu bem e o lanche ficou óptimo e diferente do costume. Com certeza será para repetir muitas vezes ;).

 

Eu consegui fazer com a massa 12 panquecas em vez de 10 e não ficaram pequenas nas finas.

 

Então para esta receita usei ovos L continente a 2.69€/24 unid., farinha polegar a 0.47€/kg, açúcar pingo doce a 0.79€/kg, leitei auchan magro dos açores a 0.56€/lt e creme culinário becel a 2.71€/500ml.

Assim este óptimo lanchinho ou pequeno-almoço custou a 2.24€ e cada panqueca a 0.19€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mousse de Manga

por Vanessa, em 12.02.14

 

Venho hoje partilhar convosco a mousse de manga que fiz este fim de semana. Tinha aberto uma lata de leite condensado e precisava de lhe dar um fim e lembrei-me que sabe sempre bem uma bela mousse. Tendo em conta que a de chocolate não leva, aproveitei uma lata de polpa de manga e lá me aventurei na iguaria.

Não gostei da receita que a Yammi apresenta para a mousse por isso enveredei pela mistura de umas 2 ou 3 receitas de mousse.

 

Cá vai:

 

 

Mousse de Manga (8 pessoas)

 

Ingredientes

 

1 lata de polpa de manga

1 lata de leite condensado

200 ml de natas

4 folhas de gelatina

 

Preparação

 

Demolhe as folhas de gelatina em água fria e reserve.

Insira o as durante 2 minutos e 30 segundos na velocidade 4.

Programe 1 minuto na velocidade 3 e verta o leite condensado em fio pela abertura da tampa.

De seguida, escorra e derreta as folhas de gelatina no micro-ondas durante 30 segundos, na potência máxima.

Programe 2 minutos na velocidade 2 e, com a máquina em funcionamento, verta a polpa de manga e a gelatina pela abertura da tampa.

Deite a mousse numa taça grande ou em tacinha conforme o gosto.

 

Tenho a dizer-vos que adorei a mousse. Eu sempre gostei da mousse de manga que faço mas esta, pela diferença dos ingredientes, ficou fantástica.

Muito cremosa, um sabor intenso a manga e uma textura aveludada. Fiquei mesmo fã e o marido também adorou claro ;).

 

Aconselho vivamente a experimentarem pois vale mesmo muito a pena e tendo em conta que não dá praticamente trabalho e o resultado é espetacular. Vai concerteza fazer um sucesso.

 

Para esta receita usei leite condensado continente a 0.79€/200ml, natas pingo doce a 0.45€/200ml, polpa de manga auchan a 2.38€/850gr e gelatina Jeronimos 0.62€/5 folhas.

Assim, esta fantástica mousse ficou a 4.12€, saindo cada dose a 0.52€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Esparguete à Carbonara

por Vanessa, em 09.02.14

 

 

 

Esta receita foi feita hoje e foi direitinha para a marmita do meu maridinho! Há algum tempo que queria experimentar e hoje foi o dia. Só não terminei a receita com o belo do queijo ralado porque foi para a marmita e gosto de o por quando acabado de fazer ou quando é bem aquecido.

Mas vamos à receita:

 

 

Esparguete á Carbonara (4-5 Pessoas)

 

Ingredientes

 

1 dose de esparguete da Yammi

200 g de bacon em cubos

1 lata de cogumelos laminados

400 ml de natas

100 ml de azeite

2 dentes de alho

Sal

Pimenta

 

Preparação

 

Coza o esparguete, deite-o num recipiente e reserve.

Deite no copo o bacon, os cogumelos e a azeite e programe 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Junte as natas, os dentes de alho e os temperos e programe 15 minutos na velocidade 1 a 100ºC.

De seguida, programe 5 minutos na velocidade 1 a 100ºC e, com a máquina em funcionamento, vá deitando o esparguete cozido através da abertura da tampa.

 

Não deitem os espaeguete todo ao mesmo tempo pois ele não vai misturar convenientemente (digo por experiência própria). E usem também a lâmina de mistura e não a de corte, pois nunca é necessária.

 

Também acho que uma dose de esparguete (500gr) é muito, por isso diria que 400gr devem chegar. E ainda assim dá à vontade para 4 pessoas.

 

Em vez de usarem bacon em tiras, experimentem um pedaço de toucinho fumado e cortem-no a gosto. Fica mais saboroso e podem ter os pedaços do tamanho que quiserem. Dá um pouco mais de trabalho mas vale a pena.

 

Gostei muito da receita, ficou saborosa sem ficar com um exagero de molho mas sim o suficiente para a massa ter aquela cremosidade e toque que tanto aprecio. E claro, é uma grande amiga da marmita ;).

 

Para esta receita usei toucinho fumado damata a 1.93/200gr, cogumelos continente a 0.69€ uma lata, esparguete espiga a 0.27€/500gr e natas pingo doce a 0.45€/200ml.

Assim este fantástico esparguete ficou a 3.80€, ficando cada dose a 0.95€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Arroz Doce

por Vanessa, em 05.02.14

 

Nada como uma tacinha de arroz doce, tão tradicional como saborosa, para animar nestes dias chuvosos e frios.

Por isso hoje vou partilhar convosco esta receita, simples e deliciosa:

 

 

Arroz Doce (8 pessoas)

 

 

Ingredientes

 

250 g de arroz carolino

500 ml de água

1 pau de canela

Casca de 1 limão

850 ml + 100 ml de leite

5 gemas de ovo

220 g de açúcar

1 pitada de sal

Canela para polvilhar

 

Preparação

 

No copo coloque a água, o arroz, o pau de canela, a casca de limão e o sal.

Programe 10 minutos na velocidade 1 a 100ºC.

Adicione 850 ml de leite e o açúcar e programe 25 minutos na velocidade 1 a 100ºC.

Num recipiente à parte, dissolva as gemas no leite restante.

Programe 6 minutos na velocidade 2 a 100ºC e, com a máquina em funcionamento, verta a mistura em fio pela abertura da tampa.

Retire o pau de canela e as cascas de limão, deixe arrefecer e sirva polvilhado com canela em pó a gosto.

 

Pode parecer que tem muitos passos mas são simples e o resultado vale bem a pena tendo em conta o pouco esforço que requer.

 

Das vezes que fiz toda a gente gostou e sem aquela trabalheira de estar sempre a mexer ou volta e meia a mexer o arroz. Fiquei muito fã e deu imenso jeito para o Natal.

 

O mais díficil para mim é fazer aqueles desenhos já que nem geometria nem desenho foram alguma vez o meu forte.

 

Acho o arroz dá para 8-10 pessoas e não 6-8 como indica a receita da Yammi.

 

Para esta receita usei arroz calorino polegar a 0.65€/kg, ovos L continente a 2.69€/24un., açúcar pingo doce a 0.79€/kg e  leite auchan magro dos Açores a 0.56€/lt.

Assim este doce de arroz custou menos de 1.50€, ficando cada tacinha a menos de 0.20€.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Feijoada

por Vanessa, em 02.02.14

 

Um dia destes decido que ia fazer feijoada! É um prato que eu gosto muito mas só costumo comer em casa dos meus pais. Por isso desta vez fiz diferente e convidei os meus pais para virem cá a casa comer feijoada.

Nada sabe melhor nestes dias frios que um belo prato cheio de substância a fumegar.

 

Tive pequenas dúvidas na confecção deste prato mas falo disso depois da receita.

 

Vejamos:

 

 

Feijoada (5-6 pessoas)

 

Ingredientes

 

150 g de couve-lombarda

150 g de cenoura

1 cebola média

5 dentes de alho

300 g de tomate

3 colheres de sopa de polpa de tomate

300 g de entremeada

250 g de carne para guisar

80 ml de vinho branco

110 ml de azeite

1 folha de louro

600 ml de água

1 farinheira

1 chouriço de carne

2 latas grandes de feijão manteiga

2 colheres de chá de massa de pimentão

 

Preparação

 

Arranje as folhas da couve e corte em tiras. Escalde-as e reserve.

Troque a lâmina de corte pela lâmina de mistura. No copo, introduza a carne cortada em pedaços, a cenoura às rodelas e a água.

Monte a bandeja de vapor e disponha a couve reservada e a farinheira. Programe 45 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Vá mexendo a couve para que coza uniformemente. Coloque a couve e a farinheira cortada às rodelas numa taça.

Reserve o caldo, a carne e a cenoura num recipiente à parte.

Volte a inserir a lâmina de corte e deite no copo a cebola, o alho, o azeite, o tomate em cubos e a polpa de tomate.

Pique 15 segundos na velocidade 7. Retire o preparado do copo e coloque-o num recipiente à parte.

Troque novamente a lâmina de corte pela lâmina de mistura e reintroduza o preparado anterior no copo.

Regule 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST). Junte o louro, vinho, feijão, chouriços e massa de pimentão.

Coe o caldo reservado para o copo (com o cesto) e acrescente água até perfazer a sua medida máxima.

Programe 8 minutos na velocidade 1 a 100ºC. Mexa tudo e sirva.

 

Segui a receita à risca, mudei apenas a cabeça de porco por carne vaca de para guisar e gostei.

 

Exige que estamos atentos e tem vários passos (não é simplesmente deitar tudo lá para dentro). A minha grande dúvida era se ia misturar tudo no final na máquina ou não pois não me pareceu claro e no final era para deitar tudo numa taça grande (bem grande) e misturar tudo.

 

Gostei muito do resultado, os meus pais também (público de palato selectivo ;)), mas há algumas coisas que numa próxima vez não vou fazer: por tomate e vinho branco.

 

Este prato é óptimo para levar na marmita, ainda para mais nestes dias frios de Inverno.

 

Para esta receita usei 2 latas de feijão manteiga auchan a 0.85€/un., lombardo a 0.99€/kg, cenoura a 0.65€/kg, tomate a 0.99€/kg, Entremeada a 2.99€/kg, carne para guisar a 5.75€/kg, farinheira quinta dos jugais a 1.99€/200gr e chouriço de carne auchan a 2.49€/200gr.

Assim esta feijoada saiu a 11.15€, ficando cada prato a menos de 2€.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Facebook

A Yammi da Vanessa também está no facebook. Segue as nossas experiências em www.facebook.com/yammidavanessa


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D