Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Caril de Perú

por Vanessa, em 29.12.13

 

 

Foi para acompanhar caril que eu fiz a travessa de batatas e bróculos gratinados. Estava com muita vontade de fazer caril e finalmente tinha reunido todos os ingredientes.

 

Gostei imenso do sabor e do resultado, apenas achei que a quantidade de molho que se faz dá para o dobro da carne.

 

Vejamos então:

 

 

Caril (4 pessoas)

 

Ingredientes

 

1 cebolas

125 g de maçã (golden ou reineta)

60 ml de azeite

25 g de pó de caril

100 ml de leite de coco

125 ml de leite

1 caldo de carne

600 g de perú cortado em cubos

Sal

 

Preparação

 

Coloque no copo o azeite, a cebola, a maçã descascada e o caril, programando 5 minutos, velocidade 2 na temperatura máxima (ST).

Junte o leite de coco, o leite, o caldo de carne e o sal e programe 20 minutos na velocidade 2 a 90ºC.

Triture durante 3 minutos: comece na velocidade 3 e vá aumentando, progressivamente, até à velocidade 7.

Incorpore o perú no molho e cozinhe 10 minutos na velocidade 1 a 100ºC.

 

Pus as quantidades em metade da receita original pois o molho dava para a dobri da quantidade de carne. Com o excedente acabei a fazer uns bifinhos de frango com molho de caril. Claro que se quiser mais molho é só duplicar as quantidades ou proporcionalmente à quantidade pretendida.

 

Não achei a receita complicada e gostei bastante do resultado apesar de o caril achei que lhe faltava uma pitada de qualquer coisa que lhe dava um toque picante. Mas enfim, gostos não gostos.

 

E claro que é uma excelente opção para a marmita, mesmo que seja necessário congelar.

 

Como disse em cima, acompanhei o caril com as batatas e bróculos gratinados e foi uma conjugação perfeita. Claro que caril pede um belo arroz basmati, mas esta combinação não fica aquém deste prato.

 

 

 

Para esta receita usei peito de perú a 6.99€/kg, maçã vermelha que comprei no PD a 0.69€/kg, leite de coco auchan a 1.29€/200ml, leite auchan magro dos Açores a 0.56€/lt e caril em pó PD que custou aprox. 0.69€/46gr.

Assim esta receita étnica tão saborosa ficou em 5.38€, saindo cada dose a 1.35€.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Massa Chinesa v1

por Vanessa, em 17.12.13

 

 

Desta vez apeteceu-me fazer qualquer coisa diferente para variar e que desse para por na marmita. Assim ao passar num corredor do Jumbo vi a massa chinesa (não é massa é de arroz para grande pena minha) e pensei não é tarde nem é cedo.

Confesso que não a fiz no copo como manda a receita do esparguete mas a verdade é que a massa não ficou partida.

 

Vejamos então:

 

Massa Chinesa (4-5 pessoas)

 

Ingredientes

 

1 pacote de massa chinesa

2 latas de cogumelos

1 lata de salsichas

200 gr de ervilhas

4 rodelas de ananás

1 lt de água

1 fio de óleo

50 ml de azeite

 

Preparação

 

Colocar no copo a água e programe 7/8 minutos a velocidade 1 e 100 graus.

Adicione a massa e o óleo e deixe cozinhar 10 minutos à mesma velocidade e temperatura.

Retire a massa e deite numa taça. Reserve.

Adicione o azeite e as ervilhas congeladas e deixe cozinhar 10 minutos a velocidade 1 e 100 graus. A meio deste tempo adicione os cogumelos e as salsichas cortadas em quadrados. A 1 minuto do fim aproximadamente adicione o ananás cortados em pedaços.

Adicione o preparado à massa e misture cuidadosamente.

 

E prontinho está feita.

 

Há outros ingredientes que poria ter usado. Acho preferível usar fiambre em vez de salsichas mas era o que havia. Também combina bem milho nesta massa.

 

Pensei que a massa por ter sido cozida no copo e com a lâmina fosse ficar partida mas não. Não adicionem o preparado à massa no copo pois vão parti-la.

 

Gostei do resultado exótico massa com o toque do ananás e é uma receita amiga da marmita pois pode ser aquecida sem perder qualquer propriedade ou comer-se fria e ser saborosa.

 

Para esta receita usei massa chinesa com ovo auchan a 1.39€, cogumelos auchan a 0.79€, salsichas izidoro a 0.49€/8un., ervilhas congeladas polegar a 1.08€/kg e ananás em sumo natural a 1.08€.

 

Assim esta receita custou 4.22€ no total ficando cada prato a 1.06€ por pessoa.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Strogonoff

por Vanessa, em 03.12.13

 

Esta era uma receita que já há algum tempo queria experimentar, até pelo seu caracter amigo da marmita. Não ficou aquém das expectactivas e para a marmita é excelente, sendo também bom para congelar pois o molho não ficou grosso. Claro que a consistência depende do gosto de cada um.

 

Vejamos então:

 

 

Strogonoff (4 pessoas)

 

Ingredientes

 

60 ml de azeite

1 cebola

3 dentes de alho

500 g de peito de frango cortado em tiras

50 ml de vinho branco

2 colheres de cha de mostarda

1 folha de louro

Sal, pimenta e noz-moscada

200 ml de natas

200 g de cogumelos laminados

1 caldo de carne

Sumo de limão

Salsa picada

 

Preparação

 

Tempere o frango com um pouco de sal e pimenta. Reserve.

Pique a cebola e os alhos durante 15 segundos na velocidade 6.

Junte o azeite e programe 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Adicione os cogumelos, o louro e o vinho. Refogue mais 3 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Acrescente o frango, o caldo de carne, o sumo de limão e os temperos e programe 10 minutos, velocidade 1 a 100ºC.

Incorpore as natas e a mostarda, retifique os temperos e programe 6 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Salpique com salsa picada a gosto e sirva de imediato.

Esta é uma receita cheia de ingredientes como puderam ver mas não foi díficil, nem tinha uma etapa para cada ingrediente.

 

O molho ficou óptimo para a marmita e mesmo para congelação, pois pelo facto de não ser grosso mantém toda a sua humidade quer simplesmente aquecido quer depois de congelado. Mas se quiserem o molho mais grosso acrescente no fim uma colher ou duas de pão ralado (prefiro à utilização de farinha para engrossar o molho).

 

Ora usei bifes de frango polegar a 5.49€/kg, natas auchan para culinária 0.48€ e cogumelos auchan a 0.79€. Assim esta receita fica a rondar os 4€ ficando a 1€ por pessoa.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bacalhau à Conde da Guarda

por Vanessa, em 30.11.13

 

Queria há muito experimentar esta receita pois pareceu-me uma excelente receita de bacalhau sem ser o tipico bacalhau com natas. O resultado foi muito satisfatório, apenas achei que fica pouco consistente mas eu usei mais bacalhau, batatas, natas e leite de resto nada a apontar. Da próxima farei com as quantidades da receita para verificar a consistência. Gostei de o comer requentado pois ficou mais consiste mas o marido preferiu acabado de fazer. E esta receita é uma excelente amiga da marmita :).

 

Vamos ver então:

 

 

Bacalhau à Conde da Guarda (4-6 pessoas)

 

Ingredientes

 

2 cebolas

3 dentes de alho

60 ml de azeite

500 g de bacalhau demolhado (sem pele e sem espinhas)

200 g de batata aos cubos

150 ml de natas

150 ml de leite

Sal

Pimenta

Noz-moscada

150 g de queijo mozarela ralado

 

Preparação

 

Coloque no copo a cebola e os alhos e pique 10 segundos na velocidade 6.

Adicione o azeite e programe 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Junte o bacalhau e regule mais 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Desfaça o bacalhau, programando 10 segundos na velocidade 4. Retire-o e reserve.

Sem lavar o copo, insira o misturador sobre a lâmina e deite as batatas, as natas, o leite e o sal.

Programe 25 minutos na velocidade 1 a 100ºC. Retire o misturador.

Triture 30 segundos na velocidade 5 e incorpore o bacalhau, a pimenta e a noz-moscada.

De seguida, misture 30 segundos na velocidade 4.

Disponha num pirex, polvilhe com o queijo ralado e leve ao forno, pré-aquecido a 180ºC, durante 15 minutos.

 

Gostei do resultado e a receita é simples de fazer, apesar de ter muitos passos, é apenas adicionar. E claro, o marido também gostou e a marmita tb ;).

 

 

Usei natas auchan (0.42€/200ml), leite auchan magro a 0.52€/lt, as batatas custam à volta de 0.49€/kg, queijo ralado da self discount do jumbo a 1.29€/200gr e o  bacalhau graúdo especial com 800 gr aprox., que comprei a 8.99€ o kg, que rendeu 500gr aprox.

Assim esta receita saiu a 8.65€ ou a 1.44€ por pessoa.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bifinhos Rápidos

por Vanessa, em 25.11.13

 

Achei que não dava para fazer bifes na yammi com a lâmina de corte mas afinal fazem-se e ficam muito bons :). E são óptimos para a marmita.

 

 

Bifinhos rápidos (3 pessoas)

 

Ingredientes

 

1/2 cebola

2 dentes de alho

60 ml de azeite

50 ml de vinho branco

1 cubo de caldo para bifes

6 de bifes pequenos

1 folha de louro

100 ml de água

1 pitada de sal

 

Preparação

 

No copo coloque a cebola, os alhos, o azeite e pique 10 segundos na velocidade 5.

Junte a folha de louro e refogue durante 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Adicione a água, o vinho, o molho inglês, os cubos de caldo para bifes e misture durante 5 segundos na velocidade 4.

Introduza os bifinhos no copo e programe 20 minutos na velocidade 1 a 100ºC.

 

Esta receita é bastante simples de fazer, até pode ser delegada no marido :P!

 

Eu usei caldo de carne do Lidl pois não tinha de bife e achei que ficou com sabor bastante intenso a condimentos mas até gostei do sabor pois ficou meio oriental. E como a receita fica com molho é óptimo para acompanhar com um arroz, que fica com um sabor agradável, e aquecer para levar na marmita. Usei também bifanas para esta receita.

 

É também uma receita económica pois à excepção dos bifes, todos os outros ingredientes temos em casa, sendo assim o valor dos bifes o valor da receita. Neste caso as bifanas custaram 3.98€/kg (entre 350/400gr), não excendo assim o valor de 1.60€ no total ou 0.54€ por pessoa.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Esparguete com frango

por Vanessa, em 19.11.13

 

Esta receita não é igual à que vem no livro da Yammi, até porque tinha muita pressa e não troquei a lâmina mas aconselho a fazê-lo. No final, apesar do esparguete estar um pouco partido não estava todo o que me deixou satisfeita e o resultado também. Esta é mais uma receita amiga da marmita pois fica com bastante molho que ajuda a manter o sabor e humidade da comida.

 

Então cá vai:

 

 

Esparguete com frango (3 pessoas)

 

Ingredientes

 

350gr de frango

150gr de esparguete (aprox.)

1 cenoura

3 dentes de alho

1/2 cebola

1 folha de louro

300ml água (aprox.)

40ml de vinho branco

Azeite

Sal

 

Preparação

 

No copo introduza a cebola, os alhos e a cenoura cortada às rodelas. Pique 15 segundos na velocidade 5.

Retire o preparado e troque a lâmina de corte pela lâmina de mistura.

Reintroduza a mistura no copo e junte a folha de louro e o azeite. Refogue durante 5 minutos, velocidade 1 na temperatura máxima (ST).

Adicione o frango e o vinho branco e programe 10 minutos a 100 graus de temperatura. Acrescente a água (previamente aquecida, se não adicione apenas a água e programe 7/8min a 100 graus), o esparguete e os temperos e programe 12 minutos na velocidade 1 a 100 graus. Introduza o esparguete pela abertura da tampa e com a ajuda da espátula, faça o esparguete descer e coloque o copo de medição.

Sirva após confeccionado.

 

Como estava com pressa quando fiz esta receita, usei água fervida e assim não tive de perder quase 10min a aquecer a água.  

 

Aconselho a se tiverem usarem algumas rodelas de chouriço para enriquecer o sabor e claro, mudar a lâmina ;).

 

Gosto de usar cenoura (e tomate) nas carnes guisadas pois dá um toque muito bom à carne.

 

A carne ficou soculenta e a massa bem cozinhada e com bastante molho. O sabor ficou quase como quando faço tradicionalmente, só faltou o chouriço e por um pouco de pimenta. Este prato é bom para quem leva marmita, mas não aconselho a congelar por causa do frango pois perde bastante humidade na congelação.

 

A água pus a olho, mas não chegou a meio litro com certeza mas da próxima confirmo. 

 

Eu usei frango polegar a 1.99€/kg e esparguete espiga pingo doce a 0.28€/500gr. Esta receita na totalidade, mesmo adicionando os restantes ingredientes que temos por casa e por ser pouca quantidade não consigo precisar o valor, não ascende a 1€, ficando cada prato a rondar os 0.35€.

 

E cá está uma receita fácil, prática e económica de fazer.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Carne guisada de perú

por Vanessa, em 11.11.13

 

De forma a aproveitar o arroz que fiz no sábado, hoje fiz uma carne guisada de perú. Estamos a optar mais por carnes brancas em vez de vermelhas e cada vez mais satisfeitos ;)

 

Então cá vai:

 

Carne guisada de perú (2 pessoas)

 

Ingredientes

 

300gr carne de perú em rojões

1/2 cebola

2 cenouras médias

20ml de vinho branco

1 Tomate ou 2 colheres de sopa de polpa de tomate

Azeite

Sal

 

Preparação

 

Por na yammi a cebola e cenoura em pedaços e picar em velocidade 5 cerca de 15/20 segundos.

Adicionar o azeite e deixar refugar cerca de 4/5 minutos em velocidade 1 e 100 graus de temperatura.

Após refugar, adicionar a carne, o sal, o molho de tomate e o vinho branco e deixar cozinhar na mesma velocidade e temperatura por 10 min.

 

Gosto de fazer carne guisada e acompanhar com arroz ou fazê-la com massa pois além de saboroso é um prato óptimo para a marmita.

Esta ficou soculenta e o molho nem líquido nem uma pasta e saboroso para misturar com o arroz.

Usei polpa de tomate porque não tinha tomate, mas aconselho que na receita se use um tomatinho que fica mais saboroso :).

 

A carne guisada por norma rende e sai económica.

 

Usei peito de perú a 5.79€/kg e as cenouras foram 0.65€/kg. Assim a carne ficou em menos de 1€ por pessoa, mesmo se adicionarmos o custo do arroz.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Às vezes boas receitas nascem da necessidade de aproveitar (ou não deixar estragar) qualquer coisa. Nem sempre os olhos comem imediatamente pois não tem o aspecto mais suculento, mas quando chega ao paladar e este fica convencido valeu a pena.

E tudo isto é o caso desta invenção que eu fiz. Ainda tinha uma embalagem de carne menos saborosa por assim dizer e já não sabia o que inventar para lhe disfarçar o sabor e olhem, dos ingredientes que me sobraram de uma salada fiz uma carne saborosa.

 

Grande parte dos pratos que confecciono para a semana têm de obedecer a dois critérios: ficarem saborosos quando aquecidos no dia seguinte ou depois de congelados. Isto porque o meu marido leva marmita para o almoço e por isso isto é importante.

 

Mas voltemos à receita que vou descrever abaixo:

 

 

Carne picada com molho de natas, cogumelos e milho (aprox. 2 pessoas)

 

Ingredientes

 

300 gr de carne de vaca picada em rojões

½ cebola

2 dentes de alho

1 folha de louro

½ lata de cogumelos laminados

½ lata de milho pequena

½ pacote de natas

Azeite, sal e pimenta qb

 

Preparação

 

Usando a lamina de corte, por a carne no copo e picar aproximadamente 30 segundos entre a velocidade 5 e 7. Após este período ajustar o corte se necessário.

Retirar a carne do copo e reservar.

Pique a cebola juntamente com o alho durante 15 segundos na velocidade 5.

Com a ajuda da espátula, faça descer os resíduos que se tiverem acumulado na parede do copo.

Deite o azeite e deixe refogar por 3 minutos em velocidade 1 e 100 graus de temperatura.

Adicionar a carne, o sal, a pimenta e o louro e deixar cozinhar na mesma velocidade e temperatura por 10 min à carne ficar bem soltinha, retirar a folha de louro e picar ligeiramente em velocidade 5 por 10-15 segundos.

Após este tempo, deitar os cogumelos, o milho e as natas e cozinhar em velocidade 1 por 3 minutos e fica pronto.

 

Quando fiz esta carne pus todo o pacote de natas e o molho ficou muito e um pouco liquido para a quantidade de carne, por isso pus na receita meio pacote. Se ficar liquido, pode por-se um pouco de farinha ou pão ralado para engrossar.

 

O molho e os condimentos alteraram o sabor menos agradável da carne, ficando a mesma saborosa.

 

O valor desta receita não excede os 2€ ficando cada dose a 0,94€. Vejamos então: carne comprei no PD em promoção por 2,74/Kg, o milho “É” (3 latas x 150gr - 1,34€), cogumelos “É” (0,79€) e as natas auchan (0,42€).

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Facebook

A Yammi da Vanessa também está no facebook. Segue as nossas experiências em www.facebook.com/yammidavanessa


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D